Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Curtos excursos

Textos curtos e excursivos, por vezes ficções.

Curtos excursos

Textos curtos e excursivos, por vezes ficções.

Quem diz e quem é

É feio quando os outros nos tratam como as personagens dos próprios romances. Não gostamos. Quem pensar um pouco sobre o assunto, perceberá que não é difícil perceber quando acontece (certos olhares, certas palavras, o pensamento que apresentam). Não há como não ser vago aqui: sabe-se. Mas pensemos. O pseudo-romancista dir-nos-á que lhe lembramos alguém, que é muito interessante o que lhe dizemos; mostra-se perplexo, olha-nos como se nos despisse e voltasse a vestir com as suas roupas, somos uma boneca no seu cérebro; descreve-nos e usa adjectivos à discrição. É feio, não gostamos. O pseudo-romancista não gosta nem desgosta de nós, só do seu romance. Por vezes tem noção disto tudo – e então, coitado, o tanto que se fustiga… Chega enfim o dia em que ele encontra quem lhe faz o mesmo. Naturalmente, não gosta de perceber que não é digno de existência e pensamento perante o olhar cimeiro de outro que, como ele, pensa tudo conter. Há para tal uma cura universal: ler romances.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Maio 2015

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D